terça-feira, 21 de agosto de 2012

Pela praia ..

Num mau dia de praia (quente mas com bandeira vermelha) há que arranjar entretenimento :p 

Eis que o Big decide virar Paparazzi / mirone e vejam bem o que ele apanhou!!










 Uma bela babe !  Não acham?


 Beijos Molhados!

Cindy & Big


sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Noites de verão

Finalmente conseguimos matar as saudades um do outro! E com ajuda do calor (apenas a despir mais rápido claro :p) demos connosco a transpirar prazer ...


E aqui ficam as poucas fotos desta noite tão marcante para nós:












Quanto ao resto, deixamos a vossa imaginação adivinhar já que a máquina foi posta de lado..

Beijos Molhados

Cindy & Big

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Sonho molhado...da Cindy!

Ontem à noite já em modo desespero voltámos a estar juntos e sós.
A tua ausência incomoda-me. Tudo em mim sentia falta de te sentir, tudo em mim queria sentir o teu calor, tudo em mim se queria envolver nos teus braços num gesto tão involuntário.
Um beijo quente despertou em mim os 5 sentidos que andavam escondidos, um simples toque era tudo o que eu tanto desejava e ficar no nosso silêncio cheio de barulho de amor e prazer.
Infelizmente por aqui é difícil estar sós.
Vim para casa e o meu corpo tinha uma nova energia e só penso nos dias (poucos, mas longos) que nos separa.
Adormecemos em camas separas e longe, mas um sonho molhado levou-me até ti.
Sonhei que a noite não tinha acabado a deixares-me na minha porta de casa mas, tinha acabado no pinhal nas redondezas onde já tanto prazer já tivemos. 
Num segundo estava despida e tu beijavas calorosamente as minhas mamas enquanto outra mão percorria o meu corpo onde a humidade pedia o teu corpo. 
A minha boca beijou e lambezou-te como à tanto tempo desejava até sentir que não aguentavas mais (e como tanto mas tanto desejo). 
Agarras-te no teu pénis empurraste-me contra o carro de uma forma um pouco brusca e vi-me tão mais rápido que alguma vez e tu sem dó continuavas a fazer de mim tua "boneca" explorando-me por todos os lados. Empulgavas-te sempre que víamos a luz de um carro a aproximar-se e os gritos de prazer aumentavam mesmo sabendo que ninguém nos ouviria ali.

Hoje acordei molhada, mas tão molhada que com o prazer que sentia e de estar as masturbar quase que podia julgar que tive um orgasmo real delicioso.
Sei que o sonho não foi apenas isto, mas é o pouco que me lembro e tive que escrever assim que acordei depois de um duche (porque molhei realmente demasiado) e nada melhor que este cantinho para partilhar contigo o quanto te desejo e quanto o meu corpo já sente a tua falta! E principalmente o quanto te Amo!

Sonhos Molhados a Dois!